Contos de João do Rio (Traduzidos para a língua inglesa)

01/02/2023 08:15

Selected_Tales_24_01

 

Este volume bilíngue apresenta a tradução, para a língua inglesa, de contos de
João do Rio (pseudônimo de João Paulo Emílio Cristóvão dos Santos Coelho
Barreto, 1881-1921), disponíveis no volume intitulado “Dentro da Noite” (1910).

A tradução é assinada pela professora Mirian Ruffini e fruto de sua pesquisa de pós-doutorado
no Programa de Pós-Graduação em Estudos da Tradução (PGET).

O trabalho de João do Rio do início do século XX se apresenta relevante para o leitor
do século XXI, por se tratar de oportunidade de resgate das marcas
contextuais, culturais e literárias da Belle Époque carioca, que transparecem
neste livro de prosa curta ficcional. Os treze contos traduzidos foram elencados
dentre as dezoito narrativas do livro originário por sua conexão com as poéticas
do autor, o esteticismo, o decadentismo e o fantástico. A literatura do autor e o
Rio de Janeiro de sua época são retratados nas temáticas, nos enredos,
personagens, referências cariocas, e no estilo do genial contista, cronista,
dramaturgo e jornalista brasileiro. Esta edição bilíngue vem acompanhada de notas explanatórias a respeito dessas
referências culturais e oferece um retrato do Brasil, de Paulo Barreto, para
leitores estrangeiros e seus respectivos contextos literários e culturais.

 

Horários de Atendimento entre Janeiro e Fevereiro

22/12/2022 09:00

Segundo a portaria normativa nº455/2022/GR, de 18 de outubro de 2022, ficou instaurado o horário de verão na Universidade Federal de Santa Catarina que acontecerá entre os 26/12/2022 até 24/02/2023. Durante esse período o expediente ocorrerá no turno matutino, no horário das 7h30min até 13h30min, exceto no dia 22 de fevereiro de 2023, quarta-feira de cinzas, quando o expediente acontecerá de 14h às 18h.

Afinidades de Benjamin com ‘Mais Humano’

12/12/2022 08:51
No dia 10 de dezembro de 2022, às 18h, o Instituto Collaço Paulo – Centro de Arte e Educação, recebe Maria Aparecida Barbosa para um encontro, conversa e lançamento dos livros “Torsos” (editora Nave), organizado por Flávia Scóz e Maria Aparecida Barbosa, e “Afinidades de Walter Benjamin com o ‘Mais Humano'” (ed. Cultura e Barbárie), de Maria Aparecida Barbosa, ambos publicados em 2022.
Ilustrado por Julia Panadés e Flávia Scóz, “Torsos” oferece escritas criativas baseadas no princípio proposto pelo filósofo Walter Benjamin (1892-1940) em “Infância Berlinense”: estender-se do subjetivo ao “necessário e social”. O livro “Afinidades de Walter Benjamin com o ‘Mais Humano'”, de Maria Aparecida Barbosa, busca estabelecer relações entre as obras da exposição “Mais Humano – Arte no Brasil de 1850 – 1930”, aberta no Instituto Collaço Paulo até 21 de janeiro de 2023, sob a curadoria de Francine Goudel, e a literatura de Walter Benjamin.
O quê: “Afinidades de Benjamin com ‘Mais Humano'” é o tema do encontro com Maria Aparecida Barbosa
Quando: 10.12.2022 (sábado), 18h
Onde: Instituto Collaço Paulo – Centro de Arte e Educação
Rua Des. Pedro Silva, 2.568, bairro Coqueiros, Florianópolis (SC)
Quanto: Gratuito

Espetáculos de finalização da disciplina de Encenação Teatral II

08/12/2022 14:25
Olá,
Convidamos a todes para prestigiar os espetáculos de finalização da disciplina de Encenação Teatral II, “A Professora” e “A didática de Baden Baden para quem precisa morrer”, orientados pela professora Marília Carbonari.
Os espetáculos serão apresentados no dia 14/12 na Caixa Preta, Bloco D do CCE, “A didática de Baden Baden para quem precisa morrer” às 19h e “A Professora” às 21h, com um intervalo entre eles.
A entrada é gratuita e a classificação é livre. Retirada de ingresso na hora.

II Encontro Memória e Direitos Humanos 7-8 dezembro na UFSC

02/12/2022 12:11

Bom dia, prezadas senhoras, prezados senhores,

o IMDH UFSC/UDESC tem a honra de convidar para o II Encontro Memória e Direitos Humanos, que acontecerá presencialmente dias 7 e 8 dezembro 2022 no Centro de Cultura e Eventos do campus da UFSC em Florianópolis.

Organizado na semana internacional dos direitos humanos, o evento contará com apresentação de trabalhos, debates e conferências sobre a situação dos direitos humanos em Santa Catarina, no Brasil e na América Latina, além de apresentações artísticas. Serão abordados temas como direitos linguísticos, indígenas e da comunidade LGBT, migrações, movimento negro, ditadura militar, educação, violências e arte na defesa dos direitos humanos. A programação está disponível no site https://imdh.ufsc.br/ii-encontro-memoria-e-direitos-humanos/ e também em anexo. Destacamos a conferência de abertura com Dra. Deborah Duprat, procuradora federal dos direitos do cidadão do Ministério Público Federal entre 2016 e 2020, responsável por diversas ações fundamentais junto ao STF visando a proteção dos direitos humanos, dia 7/12, quarta-feira às 18:10 no primeiro andar do Centro de Cultura e Eventos da UFSC.

Mais informações pelo email encontro.mdh2022@contato.ufsc.br e nas redes sociais @imdh.ufsc

O evento é presencial, aberto e gratuito. Não há taxa de inscrição. Basta chegar no local para participar. Quem desejar certificado de 20h, deve participar de no mínimo 75% das atividades e se inscrever em https://doity.com.br/encontro-imdh Acabamos de abrir mais um lote de inscrições nesse link para quem precisar do certificado.

Contamos com sua participação para enriquecer os debates e com seu auxílio na divulgação do evento em sua instituição e em suas redes.

Agradecemos e ficamos à disposição,

atenciosamente,

Comissão Organizadora

YouTube: https://bit.ly/YouTubeIMDH

Redes sociais:

https://facebook.com/imdhufsc/

https://www.instagram.com/imdh.ufsc/

https://twitter.com/ImdhUfsc

A segunda edição do Encontro Memória e Direitos Humanos, promovida pelo Instituto Memória e Direitos Humanos UFSC/UDESC, tem como tema geral “Direitos humanos e democracia em Santa Catarina: lutas e protagonistas”. No Brasil, o processo de transição da ditadura à democracia é recente. Iniciado em 1979 com a Lei de Anistia, teve passos importantes com a campanha das Diretas Já em 1983, a eleição do governo civil de 1985, a promulgação da Constituição Cidadã de 1988, a oficialização da Comissão de Familiares e Mortos de Desaparecidos Políticos em 1995, a criação da Comissão da Anistia em 2001 e o início dos trabalhos da Comissão Nacional da Verdade em 2011. Santa Catarina assistiu à criação, em 1998, de uma Comissão Especial para exame de processos de anistiados, desaparecidos e presos políticos catarinenses e constituiu uma Comissão Estadual da Verdade em 2013, com importante participação do Coletivo Catarinense Memória, Verdade e Justiça. A UFSC teve sua Comissão interna Memória e Verdade entre 2014 e 2018. Após essas iniciativas, os desafios para a superação do autoritarismo político e para a construção da democracia persistem. As violações de direitos humanos tem relação direta com a fragilidade das instituições democráticas.

Esse Encontro busca debater as lutas em prol da democracia e dos direitos humanos em nosso estado. A programação foi pensada de modo a mesclar reflexões e avaliações de atores universitários, escolares, sociais, jurídicos e das artes sobre o estado das políticas públicas em direitos humanos em Santa Catarina e no Brasil. Compreendemos que a consideração das vivências das populações negras e indígenas, migrantes e refugiadas, mulheres, crianças, adolescentes e população LGBTQIAP+, pessoas com necessidades especiais, entre outros grupos vulneráveis, são essenciais na construção de um estado que respeite a diversidade, promova as culturas que o habitam e proteja plena e verdadeiramente os direitos humanos. Estimulamos o diálogo entre entidades acadêmicas, sociais e governamentais como forma de construir políticas públicas e organizar a memória sobre o passado e o presente político catarinense, que é parte da consolidação da democracia em toda a América Latina.

 

O QUE VOCÊ ESTÁ : James Joyce, Samuel Beckett e Gertrude Stein

02/12/2022 12:09
Sobre o festival:
“O que você está olhando” remete ao título de uma peça da escritora norte-americana Gertrude Stein (1874-1946), A psicologia das nações ou o que você está olhando, escrita em 1920.
Com exceção do ponto final, Stein não apreciava sinais como exclamação, interrogação e vírgulas. Portanto, “o que você está olhando” pode ser lido como uma pergunta ou como um fato dado. Ou ambos.
  – O que você está olhando?
  – Eu estou olhando o que você está olhando.
O enigma não se explica na escrita de Stein e se põe diante de nós para ser observado.
Tudo isso está nas quatro peças deste festival: Bem-vindos a Bloomusalém, Minha pequena Irlanda, Quando elas esperam e México.
QUANDO, ONDE E COMO?
O festival ocorrerá no dia 17 de dezembro de 2022 na Caixa Preta, Bloco D CCE – UFSC as 19:00h
Entrada gratuita e o festival faz parte da programação do MAÇA 2022
Resultado da disciplina optativa ministrada pela professora Dirce Waltrick do Amarante
https://valdirj06.wixsite.com/oquevoceestaolhando

Mobilidade acadêmica: sanduíche e cotutela

25/11/2022 12:55
Mobilidade acadêmica: sanduíche e cotutela

A profª Marie-Hélène Torres e doutorandas da Pós-Graduação em Estudos da Tradução convidam para uma conversa sobre experiências de Mobilidade Acadêmica.

Serão três falas, sendo que as doutorandas Ivi Villar e Antônia Sales falarão sobre os períodos de pesquisa em doutorado sanduíche na França e no Canadá. Já a doutoranda Brenda Thomé falará sobre o processo de cotutela para doutorado e como ele funciona.

Data: 28/11/2022 (segunda-feira)
Horário: 15h30
Local: Sala Machado de Assis, bloco B CCE – UFSC

O evento terá certificado!

Basta se inscrever no linkhttps://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLScQGauRE7jqV1-chA1l_oCSO3eK0isxz__WTb1sEdIyHLI1jw/viewform?usp=send_form.